Sociedade

Governo japonês vai liberar seguros para cobrir tratamentos de fertilidade em 2014

Atualmente as empresas de seguros estão proibidas de vender produtos para cobrir tratamentos de fertilidade.

Do Mundo-Nipo

O Japão vai suspender a proibição de seguros que cobrem tratamentos de fertilidade em 2014 para avaliar a carga financeira de casais e ajudar aumentar a taxa de natalidade no país.

O Conselho do Sistema Financeiro, órgão consultivo da Agência de Serviços Financeiros (ASF), lançou um projeto em maio sobre apólices de seguro de tratamento de fertilidade recém aprovados.

A ASF pretende rever os regulamentos do Gabinete do governo e aprovar as companhias de seguros para a cobertura de tratamento de fertilidade.

Atualmente, as empresas de seguros estão proibidas de vender produtos para cobrir tratamentos de fertilidade, que podem custar milhares de ienes por tratamento.

Com a maioria dos tratamentos de fertilidade no Japão não são abrangidos pelo sistema nacional de saúde, tratamentos como a fertilização in vitro pode ser extremamente caros. Com qualquer certeza de que um paciente pode ficar grávida no primeiro ciclo de tratamento, os custos podem continuar a acumular-se.

O governo central agora subsidia cada ciclo de tratamento de fertilidade em até 150.000 ienes (US $ 1.463).

As informações são do jornal Asahi Shimbun.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também oMundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário