Meteorologia

Onda de calor no Japão deixa 8 mortos e leva mais de 1,8 mil pessoas a hospitais

Uma frente fria está prevista para levar chuva a todo o país no domingo, mas o calor sufocante deverá continuar.

Do Mundo-Nipo

Na sexta-feira, a cidade de Dotombori, em Osaka, registrou 40 graus (Foto: Kyodo)

Na sexta-feira (25), a cidade de Dotombori, em Osaka, registrou máxima de 40ºC (Foto: Kyodo)

A forte onda de calor que atinge o Japão deixou oito mortos neste sábado (26) e levou mais de 1.800 pessoas à hospitais, dez delas inconscientes, de acordo com dados divulgados pela emissora pública ‘NHK’.

A maioria das vítimas reside nas prefeituras de Saitama (116), Aichi (114), Chiba (107) e Osaka (103). No total, até este sábado, foram hospitalizadas 1.809 pessoas. Metade dos casos são crianças e, principalmente, pessoas idosas, sendo essas últimas correspondendo a um quarto da população do país.

De acordo com um porta-voz da Agência Meteorológica do Japão (JMA), no sábado, a temperatura ficou acima de 35 graus em 230 dos 920 pontos de observação meteorológica e acima de 30 graus em 702 pontos de observação.

Nas cidades de Toyama (Toyama) e de Yonago (Tottori), os termômetros marcaram 38ºC. Em Kyoto atingiu a máxima de 38,3ºC. Já em Obama (Fukui) chegou a 38,7ºC, enquanto em que na cidade de Higashiomi (Shiga), a temperatura atingiu 38,8ºC.

Na sexta-feira (26), as cidades da província de Osaka foram a que registram as temperaturas mais altas, com a cidade de Dotombori marcando 40 graus.

Segundo a agência Kyodo, a JMA informou que um sistema de alta pressão no Oceano Pacífico enviou um manto de ar quente sobre uma ampla faixa do arquipélago, desde a região de Tohoku, no nordeste, até Okinawa, no extremo sul.

Entretanto, uma frente fria vinda do sul está prevista para levar chuva a todo o país no domingo, mas o calor sufocante provavelmente irá retornar na segunda-feira, devendo continuar ao longo da semana, de acordo com a agência.

Os meteorologistas apelam para a população não passar muito tempo na rua e beber líquidos constantemente. Embora o país esteja em meio de uma contenção de energia elétrica devido ao fechamento de suas 54 centrais nucleares, o governo pede aos seus cidadãos que usem o ar condicionado.

*Veja como está o Tempo no Japão neste momento.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários