Notícias

China aplica multa de US$ 200 milhões em empresas japonesas de autopeças

As empresas foram multadas por supostas práticas de manipulação de preços de autopeças.

Do Mundo-Nipo

A Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma, principal reguladora de preços da China, multou 10 empresas japonesas fornecedores japoneses de autopeças em 1,24 bilhões de yuans (cerca de US $ 200 milhões) por suposta prática de manipulação de preços.

 

Fabricante japonesa de autopeça (Foto: Creative Commons)

A multa é a mais pesada desde que a lei antimonopólio da China entrou em vigor (Foto: Creative Commons)

 

Segundo a reguladora, as empresas foram multadas por práticas orquestradas de manipulação de preços de autopeças e componentes para veículos.

A multa é a maior desde que a lei antimonopólio da China entrou em vigor em 2008. Segundo a emissora estatal CCTV, a ação é parte dos recentes esforços do governo chinês para acabar com a manipulação de preços por parte de uma gama de empresas multinacionais no maior mercado de automóveis do mundo.

As companhias multadas são: Aisan, Denso, Furukawa, JTEKT, Mitsuba, Mitsubishi, NSK, NTN, Sumitomo e Yazaki.

A China tem reforçado a sua regulação de preços nos últimos anos sob a sua lei antitruste, tendo usado ela em diversos casos com multinacionais dos setores farmacêutico e oftalmológico.

As multas aplicadas hoje também dão uma ideia das penalidades que serão impostas às outras fabricantes estrangeiras acusadas de monopólio, como a Audi, a BMW e a Daimler.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*