Economia

Taxa de desemprego do Japão se mantém em 3,6% em março

O número de pessoas empregadas subiu 520 mil, para 62,98 milhões.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

A taxa de desemprego no Japão continuou em 3,6% em março, a mesma registrada no mês anterior, no menor nível desde julho de 2007, mostraram dados do governo nesta sexta-feira (2), em um sinal encorajador de que um mercado de trabalho aquecido apoiará os gastos dos consumidores mesmo com o aumento do imposto sobre as vendas.

O número de desempregados se situou em 2,46 milhões em março, uma queda de 340 mil no comparativo com o mesmo período do ano anterior. Já o número de pessoas empregadas subiu 520 mil, para 62,98 milhões ou alta de 0,8% em relação ao ano anterior, de acordo com dados do Ministério dos Assuntos Internos e Comunicações.

Dados separados do Ministério do Trabalho mostram que a relação vaga-candidato ficou em 1,07 em março, ou seja, 0,02 ponto acima da taxa de 1,05 apurada em fevereiro. Isso implica que havia 107 vagas disponíveis para cada cem pessoas em busca de emprego.

A tabela com os dados completos pode ser conferida no site do Ministério dos Assuntos Internos e Comunicações.

* Nota: A relação de vaga-candidato e novas ofertas de emprego podem ser vista em japonês no site do Ministério do Trabalho.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta