Notícias

Dólar sobe frente ao iene e ao euro, mas tem forte queda ante o dólar australiano

O dólar subiu 0,19% ante a moeda japonesa.

Do Mundo-Nipo com agências

O dólar se fortaleceu ante o iene e o euro nesta terça-feira (1), impulsionado pelo aumento dos juros dos Treasuries, o que elevou os retornos dos investidores em ativos denominados em dólar. Por outro lado, a moeda dos EUA caiu para a mínima em quase oito meses ante o dólar australiano, um movimento impulsionado pela abordagem mais flexível do Banco da Reserva da Austrália (RBA, na sigla em inglês), que manteve as taxas de juro inalteradas, como muitos analistas esperavam. A principal taxa de juro ficou na mínima histórica de 2,5% ao ano.

O dólar australiano chegou a subir para US$ 0,9506, nível mais alto desde 7 de novembro de 2013. A moeda australiana se valorizou 5,8% em junho, tendo o segundo melhor desempenho em relação ao dólar dos EUA em 2014 depois do dólar da Nova Zelândia.

Ao término das negociações em Nova York, o dólar subiu 0,19% ante a moeda japonesa, fechando cotado a 101,53 ienes, frente aos 101,33 ienes de segunda-feira. Em relação ao euro, a moeda comum europeia foi negociada a US$ 1,3679, frente à cotação de US$ 1,3693 do pregão anterior. Já o dólar australiano estava cotado a US$ 0,9497, de US$ 0,9433 da sessão de ontem.

 

Confira algumas cotações desta terça-feira:

DÓLAR/IENE: cotação atual 101,53 / cotação anterior 101,33

EURO/DÓLAR: cotação atual 1,3679 / cotação anterior 1,3693

DÓLAR/EURO: cotação atual 0,7310/ cotação anterior 0,7303

LIBRA ESTERLINA/DÓLAR: cotação atual 1,7151 / cotação anterior 1,7106

DÓLAR/LIBRA ESTERLINA: cotação atual 0,5831 / cotação anterior 0,5846

FRANCO-SUÍÇO/ DÓLAR: cotação atual 1,1267 / cotação anterior 1,1276

DÓLAR/FRANCO-SUÍÇO: cotação atual 0,8876 / cotação anterior 0,8868.

(As informações das cotações são do ‘The Wall Street Journal’)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe uma resposta