Notícias

Dólar tem 2ª queda seguida ante o real, mas fecha semana com alta de 0,39%

A moeda dos EUA encerrou o dia com desvalorização de 0,5%.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo com Agências

O dólar fechou em queda ante o real nesta sexta-feira (6), ficando abaixo de 2,25 reais, influenciado pela divulgação de dados positivos do mercado de trabalho dos Estados Unidos e pela pesquisa eleitoral no Brasil, que mostrou queda na intenção de votos da presidente Dilma Rousseff.

O dólar comercial encerrou o dia com desvalorização de 0,5%, cotado a R$ 2,2496 para a venda. Segundo dados da BM&F, o volume financeiro ficou em torno de US$ 1,1 bilhão.

Apesar de ter registrado queda pela segunda sessão consecutiva, a moeda norte-americana, no entanto, encerra a semana em alta de 0,39%, mesmo valor que acumula no mês. No ano, porém, há queda de 4,58%.

Nesta sexta-feira, foram divulgados dados melhores sobre o mercado de trabalho nos Estados Unidos. Foram criadas 217 mil vagas fora do setor agrícola.

Ainda no contexto internacional, os investidores mantinham a expectativa de maior entrada de recursos estrangeiros, após o Banco Central Europeu (BCE) reduzir as taxas de juros e anunciar medidas de estímulo para reativar a economia da região. Com a maior circulação de moeda, os investidores podem colocar seus recursos em países emergentes, como o Brasil.

No mercado interno, o resultado do dólar foi influenciado pela divulgação de pesquisa eleitoral e pelas intervenções do Banco Central no mercado de câmbio.

O levantamento do Datafolha mostrou queda de 3 pontos percentuais da presidente Dilma (PT), para 34% das intenções de voto, enquanto seu principal adversário, Aécio Neves (PSDB), perdeu 1 ponto percentual, para 19%.

Os números aparecem em momento de fraca atividade econômica e confiança em baixa, de acordo com a agência de notícias Reuters.

“A pesquisa [eleitoral] causou a movimentação inicial no mercado”, afirmou à Reuters o diretor de câmbio da Pioneer Corretora, João Medeiros, acrescentando que a queda do dólar perdeu fôlego na reta final do pregão porque entraram compradores aproveitando a cotação mais baixa da semana.

 

Atuação do Banco Central no câmbio do dólar

O Banco Central deu continuidade às suas intervenções mercado brasileiro. A instituição vendeu a oferta total de até 4 mil swaps, com 500 contratos para 1º de dezembro e 3,5 mil  para 2 de fevereiro do próximo. O volume da operação foi de US$ 198,8 milhões.

Também vendeu a oferta total de até 10 mil swaps para rolagem dos contratos que vencem em julho, no valor equivalente a US$ 10,060 bilhões. Até agora, já rolou pouco mais de 22% do total.

As informações das cotações de fechamento são fornecidas pelo Portal Financeiro Forex Pros/Investing.com.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta