Notícias

Bolsa de Tóquio recua com volatilidade do dólar e queda do petróleo

Um dólar mais fraco resulta em lucros mais tímidos para as empresas japonesas.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo com Agências

Depois de uma pausa nas negociações, na véspera, devido a um feriado nacional no Japão, a Bolsa de Valores de Tóquio retomou suas operações nesta terça-feira (13), mas encerrou o dia em queda em um movimento que seguiu as perdas em Nova York, onde as bolsas encerraram em baixa na segunda-feira. Além disso, houve uma desvalorização do dólar ante o iene e quedas mais acentuadas nos preços do petróleo, que continuam influenciando nos resultados das ações em Tóquio e no globo.

O Nikkei 225, índice que reúne as empresas mais negociadas da bolsa japonesa, caiu 110,02 pontos, queda de 0,64% ante o fechamento anterior, encerrando aos 17.087,71 pontos. Já o Topix, indicador que agrupa os valores da primeira seção em Tóquio, recuou 5,89 pontos, ou baixa de 0,43% em relação à sexta-feira, terminando as negociações de hoje aos 1.374,69 pontos. O mercado japonês não operou na segunda-feira devido ao feriado nacional do Dia da Maioridade.

O volume das negociações totalizou 2.204, 77 milhões de ações negociadas. Na sessão anterior, o volume das transações somou 2.503,20 milhões de ações.

Nesta sessão, o mercado em Tóquio abriu em baixa, com os preços do petróleo que continuaram a cair em meio a um excesso de oferta global, mas as perdas deram uma pausa no período da tarde, com o iene ganhando força em relação ao dólar e ao euro.

“Os principais detratores hoje foram os declínios das ações nos EUA e o iene forte”, disse Yutaka Miura, analista chefe da Mizuho Securities.

Nas primeiras horas do pregão, a moeda norte-americana chegou a ser negociada a 117,88 ienes, de 118,28 ienes da sessão anterior. Embora o dólar tenha passado a operar em leve alta a partir do meio para o fim da sessão, o desempenho melhor da moeda não foi o suficiente para levar o índice Nikkei para o terreno positivo.

Um dólar mais fraco resulta em lucros mais tímidos para as empresas japonesas que vendem seus produtos para o exterior. Em consequência, as ações de empresas exportadoras lideraram as principais perdas, em meio à volatilidade do dólar ao longo da sessão.

A Tokyo Electron perdeu 2,0% e a Toyota Motor recuou 1,2%. Em reação à queda nos preços do petróleo, as companhias de energia também registraram perdas. A Inpex caiu 2,6% e a Japan Petroleum Exploration cedeu 4,0%.

(Com informações das agências Estado e Kyodo)

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta