Notícias

Bolsa de Tóquio abre em baixa de 0,54% após referendo na Crimeia

A votação na região ucraniana da Crimeia influenciou diretamente no mercado financeiro global.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

A Bolsa de Valores de Tóquio abriu nesta segunda-feira (data local) em baixa após a votação na região ucraniana da Crimeia, neste domingo (16), que deve confirmar a vontade da maioria dos 1,5 milhão de habitantes de se unir com a vizinha Rússia, o que desencadeia de vez o “divórcio” entre Moscou e o Ocidente.

Durante o primeiro minuto de transações,  o Nikkei, principal índice da Bolsa de Tóquio, abriu perdendo 0,54%, aos 14.254,32 pontos. Ao mesmo tempo, o dólar era cotado à 101,4 ienes, enquanto o euro estava na casa dos 141 ienes, de acordo com a Agência Kyodo.

A ampla adesão da população da Crimeia à anexação à Rússia pode provocar sanções por parte de outros países e um agravamento das relações com as potências ocidentais, destacou a Agence France Press (AFP).

O jornal português online ‘Público PT’ noticiou a pouco que cerca de 93% dos eleitores da península ucraniana da Crimeia votaram a favor de uma união com a Rússia, segundo sondagens de boca de urnas citadas pela agência russa ‘RIA’, meia hora depois de terem fechado as urnas. Outra agência russa, a ‘Interfax’, citava sobre uma taxa de participação de 80% no referendo, considerado ilegal pela Ucrânia, Estados Unidos e União Europeia.

Antecipando um resultado favorável à anexação da Crimeia à Rússia, a União Europeia prepara-se já para aprovar, segunda-feira, sanções concretas dirigidas à Moscou.

(Do Mundo-Nipo com informações de agências e mídia internacional)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta