Notícias

Bolsa de Tóquio sobe com recuo do iene e expectativas de flexibilização na Europa

O iene caiu em relaçãoao dólar e ao euro, o que apoiou ações de empresas japonesas voltadas à exportação.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo com Agência Kyodo

A Bolsa de Valores de Tóquio fechou em alta nesta terça-feira (20), impulsionada pela expectativa de que o Banco Central Europeu (BCE) poderá implementar novas medidas de relaxamento monetário. O enfraquecimento do iene em relação ao dólar e ao euro também influenciou o mercado financeiro em Tóquio, apoiado ações de empresas japonesas voltadas à exportação.

O Nikkei 225, índice que reúne as empresas mais negociadas da bolsa japonesa, subiu 352,01 pontos, alta de 2,07% ante o fechamento anterior, encerrando aos 17.366,30 pontos. Já o Topix, indicador que agrupa os valores da primeira seção em Tóquio, avançou 25,22 pontos, alta de 1,84% em relação à segunda-feira, terminando as negociações de hoje aos 1.397,63 pontos. Ambos os índices terminaram no nível mais alto desde 05 de janeiro.

O volume das negociações teve uma leve melhora, totalizando 2.134,83 milhões de ações negociadas. Na sessão anterior, o volume das transações somou 2.039,51 milhões de ações.

Agentes do mercado consideram cada vez mais provável que o BCE irá anunciar um programa de compra de títulos do governo para afastar a deflação na zona euro. Dados divulgados ontem mostraram que os preços ao consumidor, em dezembro, caíram na região pela primeira vez em cinco anos.

Já o Banco do Japão (BoJ, na sigla em inglês) terá concluído sua própria reunião de política monetária de dois dias na quarta-feira, com os participantes discutindo os efeitos da redução dos preços do petróleo e a perspectiva para atingir a sua meta de inflação de 2%.

Após o fechamento em Tóquio, o dólar subia para 118,36 ienes e o euro avançava para 137,05 ienes. Com o resultado, a moeda japonesa enfraquecida deu suporte às ações ligadas à exportação, incluindo a Mazda a Motor e a Toyota Motor, que subiram 4,2% e 2,6%, respectivamente. A Panasonic teve avanço de 3,8%, enquanto a Nikon subiu 3,2% e a Canon encerrou com ganhos de 1,7%. Um iene enfraquecido ajuda essas empresas por inflar os lucros no exterior quando repatriados.

A Fujitsu alavancou ganhos de 4,2%, depois de anunciar que está para promover um executivo da Asia-minded para presidente em junho.

== Kyodo

*Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta