Notícias

Japão, China e Coreia do Sul firmam acordo de cooperação regional

Foto: Shutterstock

Importante acordo envolve preservação do meio ambiente, redução de risco de desastres e desenvolvimento sustentável na Ásia.

Representantes de Japão, China e Coreia do Sul firmaram um importante acordo que visa promover a cooperação com outros países na Ásia em áreas como preservação ambiental e redução do risco de desastres, informou nesta quinta-feira (22) o canal online da emissora estatal japonesa ‘NHK’.

Em um encontro realizado na quarta-feira (21) em Pequim, o ministro japonês dos Negócios Estrangeiros, Taro Kono, e suas contrapartes, os chanceleres Wang Yi, da China, e Kang Kyung-wha, da Coreia do Sul, formularam o relatório sobre a cooperação denominada “Trilateral+X”, segundo a ‘NHK’.

O documento diz que “devido ao grande número de países em desenvolvimento na Ásia e ao grave problema do desenvolvimento desigual e inadequado enfrentado pelo continente, é imperativo explorar novas áreas e modelos visando melhorar a cooperação trilateral”.

Os três países asiáticos planejam explorar projetos e modelos específicos para cooperação que sejam voluntários, em pé de igualdade, abertos, transparentes e que gerem resultados vantajosos para as partes envolvidas.

O acordo cita economias sustentáveis, preservação ambiental e ecológica e redução do risco de desastres como grandes áreas de cooperação.

A lista consta ainda como prioridades cooperação voltada à saúde, atenuação da pobreza e promoção de intercâmbios interpessoais na região asiática.

Conflito entre Japão e Coreia do Sul

A cooperação trilateral ocorre em um momento que as relações entre Coreia do Sul e Japão, no entanto, estão em seu pior nível em décadas. O conflito inclui a recente retirada de Seul da lista de parceiros preferenciais de Tóquio.

SAIBA MAIS
Japão veta Coreia do Sul na lista de parceiros preferenciais

O desafeto entre os dois países vizinhos é baseado em uma antiga disputa relativa a indenizações e compensações aos sul-coreanos por trabalhos forçados a empresas japonesas durante a Segunda Guerra Mundial.

MN – Mundo-Nipo.com
Fontes: Agência EFE | NHK News.