Economia

Taxa de desemprego no Japão cai para 4,1% em março

O número de desempregados em março foi de 2,8 milhões, o que representa 270 mil pessoas a menos que no mesmo mês em 2012.

Do Mundo-Nipo

A taxa de desemprego no Japão caiu para 4,1 por cento em março, de 4,3 por cento do mês anterior, de acordo com um relatório preliminar divulgado nesta terça-feira (data local) pelo governo japonês.

De acordo com o relatório, o número de desempregados em março foi de 2,8 milhões, o que representa 270 mil pessoas a menos que no mesmo mês do ano anterior ou 8,8% nos últimos 12 meses.

O número de pessoas empregadas no mês passado foi de 62,46 milhões, 310 mil pessoas a mais que no mesmo mês do ano anterior, ou 0,5% a mais em um ano.

Segundo analistas privados, os dados continuam praticamente estáveis, após registrar uma taxa em 2012 de 4,3%, abaixo de seu recorde histórico em julho de 2009, quando registrou 5,6%.

O escritório de estatística do Japão também divulgou dados preliminares sobre as despesas de famílias no mês de março, mês no qual aumentou 5,2% anualizado em termos reais, para 316.166 ienes por família com duas ou mais pessoas.

O salário médio por família assalariada subiu 1,8% em março em termos reais com relação ao mesmo mês em 2012, para 444.379 ienes.

A despesa de março caiu em setores como o de educação (-7,3%) ou o de despesas de gás, luz e água (-4,3%) enquanto disparou 23,7% no de residências e 11,8% em transporte e comunicação.

A despesa das famílias é um indicador considerado chave para avaliar a tendência do consumo privado, que no Japão representa cerca de 60% do Produto Interno Bruto (PIB).

As informações são da agência Kyodo News.

 

Para saber mais sobre Tecnologia, clique em mundo-nipo.com/tecnologia-e-ciencia. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*