Sociedade

Princesa Noriko se casa com sacerdote xintoísta

O casamento foi realizado neste domingo em uma cerimônia xintoísta, no “Grande Santuário de Izumo”.

Do Mundo-Nipo

A princesa Noriko, segunda filha do falecido príncipe Takamado, casou-se neste domingo (5) com o sacerdote Kunimaro Senge, filho mais velho do sumo sacerdote de Izumo-Taisha, na província de Shimane, no oeste do Japão, informou a Agência da Casa Imperial.

 

Casamento da princesa Noriko com o sacerdote Kunimaro Senge (Foto: Kyodo)

A princesa vestia um traje com estilo que remonta a um milênio. (Foto: Kyodo)

 

O casamento foi realizado em uma cerimônia xintoísta, no “Grande Santuário de Izumo”, um dos mais importantes do Japão e o principal santuário da Família Imperial.

Na cerimônia iniciada às 11h locais, a princesa vestia um traje com estilo que remonta a um milênio. Seu penteado também seguia o modo da época. O noivo estava em traje de sacerdote xintoísta. Os dois percorreram juntos um trajeto na área do santuário, seguidos por familiares.

O casal pronunciou palavras de compromisso no altar e depositou como oferenda um ramo da “Sagrada Árvore Sakaki”, conhecida também como “Verdadeira Árvore de Sakaki”.

Este foi o primeiro casamento envolvendo um membro feminino da família imperial com um plebeu desde princesa Sayako, agora Sayako Kuroda, que se casou com um funcionário do Governo Metropolitano de Tóquio, em 2005.

Por gerações, a família Senge tem sido encarregada dos rituais do santuário de Izumo. Kunimaro Senge, de 41 anos, serviu como sacerdote em santuários em Tóquio e Kyoto depois de se formar pela Universidade de Kokugakuin, e ajuda seu pai, Takamasa Senge, de 71 anos, desde março de 2005.

Formada pela Universidade Gakushuin, a princesa Noriko, de 26 anos, é a segunda filha do falecido príncipe Takamado, (1954-2002), que era o terceiro filho do príncipe Mikasa, o irmão mais novo do imperador Hirohito, postumamente conhecido como Imperador Showa. Ele era primo do Imperador Akihito e o sétimo na linha de sucessão ao Trono do Crisântemo.

A princesa Noriko, agora Noriko Senge, vai começar uma nova vida morando em uma casa ao lado do santuário, onde irá viver com familiares do marido, ajudando em rituais e eventos no santuário de Izumo.

De acordo com as leis da Casa Imperial Japonesa, uma princesa tem que abrir mão de seu status como um membro da Família Imperial ao se casar com um plebeu. Como a princesa Noriko é uma descendente direta do Imperador Showa, o governo decidiu conceder ao casal um subsídio no valor de 106.75 milhões de ienes, o equivalente a R$ 2,4 milhões.

A cerimônia de casamento contou com a presença de vinte e uma pessoas, incluindo a mãe da princesa (princesa Hisako), a irmã mais velha (princesa Tsuguko), e a irmã mais nova (princesa Ayako), bem como os pais do noivo e alguns parentes.

Cerca de 300 pessoas são esperadas para participar da festa de casamento, que será realizada em Matsue, na segunda-feira (6), enquanto o príncipe herdeiro Naruhito, a princesa Masako, e o primeiro-ministro Shinzo Abe estarão entre os convidados na festa que será realizada em um hotel na capital japonesa, na próxima quarta-feira.

(Com informações da NHK News e Agência Kyodo)

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários