Pessoas rezando no Memorial da Paz em razão do 75º aniversário da bomba atômica de Hiroshima | Foto: Reprodução/Kyodo

Reprodução/Kyodo