Notícias

Japão inicia obras no Parlamento para acomodar políticos cadeirantes

Obras no Parlamento para deficientes | Foto: Kyodo

Os recém-eleitos Yasuhiko Funago e Eiko Kimura têm deficiências físicas severas e necessitam de grandes cadeiras de rodas motorizadas.

  • 443
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    443
    Shares

A Câmara Alta do Japão, que equivale ao Senado, iniciou as anunciadas obras em seu prédio, neste domingo (28), para receber dois novos legisladores deficientes físicos, os quais utilizam cadeiras de rodas motorizadas de grande porte.

Os dois novos legisladores são Yasuhiko Funago, de 61 anos, e Eiko Kimura, de 54 anos. Ambos conquistaram assentos nas eleições Parlamentares em 21 de julho pelo partido recém-fundado Reiwa Shinsengumi.

VEJA TAMBÉM
Shinzo Abe vence eleições parlamentares no Japão
Premiê do Japão planeja reforma ministerial em setembro

Funago tem esclerose lateral amiotrófica (ELA), uma doença que destrói os neurônios responsáveis pelos movimentos dos músculos voluntários. Kimura também não pode movimentar braços e pernas devido a um acidente na infância.

Já o seu colega Kimura sofre de Paralisia Cerebral (PC), com dificuldade de movimentação e rigidez muscular (espasticidade), mas com função intelectual preservada.

Três cadeiras foram removidas para criar espaço próximo à entrada do plenário da Câmara Alta, onde os dois parlamentares poderão posicionar suas grandes cadeiras de rodas. Esses assentos estavam na parte de trás da Câmara, perto de uma das portas de acesso.

Um degrau com cerca de 15 centímetros também será eliminado para melhorar o acesso das cadeiras de rodas na rampa dentro do Plenário.

Esses trabalhos ficarão prontos até segunda-feira (29). Mas ainda há outras melhorias a serem feitas até a próxima quinta-feira, antes de uma sessão extraordinária da Dieta ter início.

Entre tais melhorias estão a instalação de fontes de energia elétrica para carregar as cadeiras de rodas e equipamentos médicos onde os dois novos parlamentares ficarão durante as sessões da Câmara.

Também será incluindo botões de votação especiais para ambos, o que será implementado antes de outra sessão extraordinária da Dieta, a ser realizada no outono.

Há ainda mais obras para melhorar o acesso a pessoas com deficiências na Câmara, entre eles a instalação de uma rampa na entrada principal do Parlamento.

Funago e Kimura assumem seus assentos a partir de 1º de agosto, dia da abertura da sessão extraordinária da Dieta.

Reformas anteriores no Parlamento Japonês

Acomodações anteriores feitas pelo Parlamento do Japão para legisladores com necessidades especiais, como a cadeirante Eita Yashiro, 82 anos (eleita para a Câmara Alta em 1977), incluem o fornecimento de documentos em Braille para deficientes visuais, banheiros polivalentes e rampas.

Mas as deficiências de Funago e Kimura são consideradas bem mais severas do que as de seus predecessores, o que levou a Câmara Alta pensar em equipar o prédio para que este possa acomodar todos os tipos de deficientes.

MN – Mundo-Nipo.com
Fontes: Kyodo News | NHK News.

  • 443
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
    443
    Shares