Notícias

Enfermeira envenenou mais de 20 pacientes em hospital no Japão

©Stockvault

Mulher injetava desinfetante na bolsa de soro de pacientes internados em um hospital na periferia de Tóquio.

Uma ex-enfermeira japonesa que foi detida no sábado passado, acusada de ser responsável pela morte de um idoso, que estava internado em um hospital da periferia de Tóquio, confessou aos investigadores ter envenenado cerca de vinte pacientes, informou a agência ‘AFP’ nesta quarta-feira (11).

Sem dar muitos detalhes, a polícia de Tóquio informou que Ayumi Kuboki, de 31 anos, está detida como suspeita do assassinato de um paciente de 88 anos, relata a ‘AFP’.

Segundo a imprensa local, a ex-enfermeira está sendo acusada de introduzir desinfetante na bolsa de soro do paciente, quando este estava internado em 2016.

Depois de ser detida no último sábado, ela confessou à polícia que fez a mesma coisa com outros vinte pacientes, detalhou a ‘AFP’, citando a imprensa japonesa como fonte.

Segundo as fontes citadas, a polícia já detectou a presença de líquido desinfetante no corpo de quatro septuagenários e octogenários mortos no mesmo hospital na época.

A enfermeira teria cometido os crimes para determinar o momento da morte dos pacientes, para que não ocorresse durante seu turno.

“Explicar às famílias a morte de um parente era difícil para mim durante meu plantão”, teria dito aos policiais.

Com informações da Agência AFP Brasil.

Comentários