Notícias

Japão registra número recorde de turistas em novembro

Foto: Kyodo

É a primeira vez na história do turismo no Japão que o número supera a marca dos 2,3 milhões em um mês.

O número de pessoas estrangeiras que visitaram o Japão em novembro superou pela primeira vez a marca de 2,3 milhões, o que representa um salto de mais de 26% em relação ao mesmo mês do ano passado, segundo dados divulgados pela Organização Nacional de Turismo do Japão (JNTO, na sigla em inglês), sinalizando que a forte alta foi favorecida, mais uma vez, por visitantes de países vizinhos devido a criação de novas rotas aéreas e redução na burocracia de concessão de vistos para visitantes asiáticos.

Divulgado na quarta-feira (20), o relatório da JNTO mostra que 2.377.900 turistas estrangeiros visitaram o Japão no mês passado, no que representa forte acréscimo de 26,8% em relação a novembro de 2016.

É a primeira vez na história do turismo no Japão que o número supera a marca dos 2,3 milhões de turistas estrangeiros no penúltimo mês do ano.

O relatório mostra ainda que o número de visitantes no país de janeiro a novembro já soma o recorde de 26.169.400, ultrapassando o total no ano de 2016 em mais de 5 milhões.

Na análise por países e regiões, Coreia do Sul lidera a lista com um total de 622.600 visitantes, o que representa um aumento de 45,8% em relação a novembro de 2016. A China ficou na segunda posição, com 567.100 visitantes, com um crescimento de 31% na mesma base de comparação.

A organização atribui o aumento à abertura de novas rotas de voos de baixo custo que conectam a Coreia do Sul às províncias japonesas de Ehime e Kagoshima. Ela cita ainda um aumento do número de visitantes individuais vindos da China e de Taiwan devido à simplificação dos trâmites para obtenção de visto.

Neste sentido, o cenário é encorajador para o objetivo de 40 milhões de visitantes estrangeiros anuais que o governo japonês se propôs atrair até 2020, quando acontecem os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio.

Do Mundo-Nipo
Fontes: NHK | Kyodo.

Comentários