Mais Esportes

Futebol: Japão e China empatam em estreia na Copa do Leste Asiático

O Japão perdeu a chance de vencer após deixar a seleção chinesa marcar por duas vezes nos 10 minutos finais para arrancar um empate de 3 a 3.

Do Mundo-Nipo

Na estreia das seleções masculinas na Copa do Leste Asiático, neste domingo, (21), o Japão perdeu a chance de vencer após deixar a seleção chinesa marcar por duas vezes nos 10 minutos finais para arrancar um empate de 3 a 3, em uma partida que os japoneses tinham tudo para saírem vitoriosos do Seoul World Cup Stadium, em Seul, na Coreia do Sul.

 

Yojiro Takahagi luta luta para manter o controle sobre a bola na estreia da equipe masculina na Copa do Leste Asiático (Foto: Kyodo)

Yojiro Takahagi luta luta para manter o controle sobre a bola na estreia da equipe masculina no East Asian Cup 2013 (Foto: Kyodo)

 

Os estreantes Kakitani e Kudo contribuíram com um gol e uma assistência cada e o Japão ia superando a China por 3×1 na primeira rodada da competição até os últimos dez minutos de partida, porém, a defesa comprometeu e não soube segurar a pressão, cedendo um empate com gosto de derrota.

O técnico do Japão, o italiano Alberto Zaccheroni, escalou uma equipe próxima do que era esperado, com vários nomes de destaque e promessas da J.League (Campeonato Japonês). Os atletas Morishige, Aoyama, Yamaguchi, Takahagi, Kudo e Kakitani fizeram a primeira partida de suas carreiras pela seleção principal. Saito e Osako, que entraram na segunda etapa, também estrearam. Os mais experientes eram o capitão Komano, de 31 anos, que fez a sua 76ª partida pela seleção japonesa, e o zagueiro Kurihara, de 29 anos, que jogou dezoito vezes, porém, ironicamente, foram os piores em campo.

Do lado chinês, o técnico interino Fu Bo tinha a vantagem de ter um elenco com força máxima. Ele escalou um time mesclando juventude e experiência, com média de idade de 27,1 anos, e com seis atletas do Guangzhou Evergrande. O veterano Zheng Zhi, 32 anos, continua como capitão.

Foi uma partida de reviravoltas e começou da pior forma possível para os japoneses, com o experiente Kurihara deixando-se driblar por Yu Dabao para depois cometer um pênalti infantil. Wang Yongpo cobrou no mesmo canto que Nishikawa pulou, mas não deu para o goleiro e os chineses abriram o placar aos 5 minutos de jogo.

Depois do gol, a partida ficou mais equilibrada e o Japão começou a trocar mais passes, O empate veio aos 33 minutos do primeiro tempo. Takahagi bateu escanteio e Kudo, de cabeça, mandou a bola para a pequena área e Kurihara, que estava sem marcação, marcou de cabeça para se redimir do pênalti cometido.

A virada do Japão aconteceu aos 14 minutos do segundo tempo, com ataque japonês finalmente mostrando seu potencial. Makino cruzou à meia altura e o Kakitani se adiantou à marcação e ao goleiro para colocar no fundo das redes com um leve desvio de cabeça. Dois minutos depois, Takahagi iniciou um contra-ataque com um passe longo. Kakitani recebeu, saiu costurando a defesa adversária e serviu o terceiro gol de bandeja para Kudo marcar o terceiro do Japão.

A vitória parecia assegurada, entretanto, os chineses não se abalaram. Com fôlego novo em cada uma das pontas de seu sistema ofensivo (Sun Ke entrou pelo lado direito e Zhang Xizhe pelo esquerdo), lançaram-se ao ataque, sufocando a retaguarda japonesa. Em um momento em que a experiência poderia ser o fator de desequilíbrio, os veteranos do Japão falharam. Aos 36 minutos, Komano levantou demais o pé e cometeu um pênalti ao quase acertar uma voadora em Zhang Xizhe. Wang Yongpo cobrou novamente e desta vez ele deslocou Nishikawa, mandando no canto oposto do goleiro para marcar o segundo e diminuir a desvantagem.

Aos 42, o lateral Rong Hao cruzou pela esquerda e a bola atravessou a área até encontrar Sun Ke livre na segunda trave para fazer a China conseguir um heroico empate.

Ao fim da primeira rodada, todo mundo tem um ponto no torneio disputado na Coreia do Sul. No jogo de ontem, os anfitriões empataram com a Austrália.

A segunda rodada acontece na cidade de Hwaseong: A partida entre Coreia do Sul e China acontece na quarta-feira (24), enquanto Japão e Austrália se enfrentam no dia seguinte.

Já na competição feminina, a próxima partida da equipe de Norio Sasaki, técnico da seleção feminina de futebol do Japão, é contra a seleção da Coreia do Norte, na próxima quinta-feira (25).

O East Asian Cup foi criado pela Federação de Futebol do Leste Asiático (EAFF, na sigla em inglês). Esta é a quinta edição da competição, que é realizada desde 2003 e sucede a extinta Copa Dinastia dos anos de 1990. O evento, que teve início no sábado com partidas válidas pela competição no feminino, vai até o dia 28 de julho. O torneio é realizado com a participação de seleções de quatro países tanto no masculino como no feminino.

A competição masculina conta com a participação do Japão, Coreia do Sul, China e Austrália, enquanto a feminina participa com as seleções do Japão, Coreia do Sul, Coreia do Norte e China.

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também o Mundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.