Política

Japão e Colômbia concordam em acelerar negociações de parceria econômica

A visita à Colômbia é parte de uma viagem de Abe á cinco países da América Latina, que inclui o Brasil.

Do Mundo-Nipo

Shinzo Abe e Juan Manuel Santos em conferência conjunta na capital Bogotá (Foto: Kyodo)

Shinzo Abe e Juan Manuel Santos em conferência conjunta na capital colombiana Bogotá (Foto: Kyodo)

Líderes de Japão e Colômbia concordaram em acelerar as negociações para firmar rapidamente um acordo de parceria econômica. Atualmente em visita à Colômbia, o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe se encontrou com o presidente colombiano Juan Manuel Santos, conforme informou nesta quarta-feira (30) a emissora pública ‘NHK’.

Em conferência de imprensa conjunta após a reunião em Bogotá, na terça-feira (29), os dois líderes afirmaram que ambos os países iriam promover um diálogo político de alto nível, cooperar na reforma do Conselho de Segurança das Nações Unidas e criar uma nova estrutura internacional sobre mudanças climáticas.

Abe e Santos concordaram em trabalhar visando fechar rapidamente um acordo para investimentos. Eles concordaram ainda em melhorar o ambiente de negócios para empresas japonesas que investem em desenvolvimento de recursos e infraestrutura em território colombiano.

Na coletiva de imprensa, Abe disse em discurso que a Colômbia é um parceiro importante para o Japão e que ambos os países compartilham valores básicos, tais como a liberdade e a democracia.

Juan Manuel Santos, por sua vez, acolheu de bom grado a ampliação dos investimentos japoneses em seu país. Segundo o presidente colombiano, o Japão é o mais importante investidor na Colômbia dentre as nações asiáticas. Santos afirmou que existe potencial para que esses investimentos sejam ampliados.

O encontro de Abe com o presidente colombiano Juan Manuel Santos é parte de sua visita á cinco países latino-americanos, que inclui o Brasil, onde se encontrará com a presidente Dilma Rousseff,  na quinta-feira (31).

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Comentários

Deixe de comentário

*