Mais Esportes

Futebol: Japão surpreende e vence a Bélgica por 3 a 2

Honda, que fez um gol e deu passe para outro, foi o melhor em campo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Do Mundo-Nipo

Honda foi o melhor em campo na vitória do Japão por- 3 a 2 sobre a Bélgica (Foto: Wataru Sekita/AJW Asahi)

Honda foi o melhor em campo (Foto: Wataru Sekita/AJW Asahi)

A terça-feira foi bastante movimentada devido à realização de diversos amistosos oficiais da Fifa, que visam a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Um dos melhores jogos do dia ficou por conta de Japão e Bélgica. Mas, para surpresa de muitos, foi a equipe japonesa quem saiu vitoriosa do amistoso que aconteceu em Bruxelas.

Keisuke Honda foi o destaque da primeira seleção classificada para a Copa do Mundo do Brasil-2014, que venceu a sensação das eliminatórias europeias por um placar de 3 a 2.

O ‘Diabos Vermelhos’, que serão cabeças de chave na Copa do Mundo no Brasil, sofreram a segunda desilusão seguida depois da derrota por 2 a 0 em casa diante da Colômbia, na semana passada, quinta-feira (14).

A partida, que começou equilibrada, teve um lance curioso que resultou no primeiro gol do jogo: aos 15 minutos, o goleiro Kawashima saiu muito mal da área, Lukaku ficou com a bola e foi até a linha de fundo para cruzar. Mirallas recebeu livre dentro da área e apenas empurrou para o gol vazio. Bélgica 1 a 0.

Os ‘Samurais Azuis’, no entanto, foi buscar o empate ainda no primeiro tempo. Aos 37’, Kiyotake recebeu na direita e cruzou na medida para Kakitani cabecear para dentro do gol. A virada saiu logo no começo da etapa final. Aos 53’, Honda recebeu na entrada da área e chutou com efeito para marcar o segundo: Japão 2 a 1.

Aos 63 minutos, o Japão ampliou a vantagem. Dessa vez, Honda foi quem cruzou para área e Okazaki pegou chute de primeira para marcar um bonito gol. Japão 3 a 1.

Alderweireld ainda diminuiu aos 79, mas já era tarde e a partida encerrou com a vitória japonesa por 3 a 2 sobre a equipe da casa.

O empate de 2 a 2 com a Rússia, no sábado (16), e a vitória de hoje, eleva um pouco mais a moral do técnico Alberto Zaccheroni, que tem estado sob forte pressão após sucessivos resultados ruins desde que o Japão conseguiu classificação para a Copa do Mundo.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta