Mais Esportes

Futebol feminino: Japão perde para a Coreia do sul na final da Copa do Leste Asiático

As esperanças do Japão de conquistar o terceiro título consecutivo da Copa do Leste Asiático foram destruídas.

Do Mundo-Nipo

As esperanças do Japão de conquistar o terceiro título consecutivo da Copa do Leste Asiático foram destruídas pela atacante Ji So-yun, que marcou os dois gols que deram a vitória a Coreia do Sul, surpreendendo a todos no jogo final da competição, realizado na noite de sábado em Seul, Coreia do Sul, informou a agência Kyodo.

 

A capitã Aya Miyama lutou para conter as lágrimas (Foto: Koki Nagahama)

A capitã Aya Miyama lutou para conter as lágrimas (Foto: Koki Nagahama)

 

O Japão só precisava de uma vitória por qualquer placar na última rodada para conquistar pela terceira vez seguida o título da Copa do Leste Asiático no futebol feminino. O adversário era a anfitriã Coreia do Sul, que havia perdido as duas primeiras partidas e já não tinha chance de título. No entanto, o improvável aconteceu.

A Coreia do Sul começou a partida com o orgulho de jogar em casa, diante de um público entusiasmado no Estádio Olímpico de Jamsil que viu sua seleção feminina de futebol derrotar a atual campeã do mundo por 2 a 1.

Ironicamente, a heroína do dia foi uma sul-coreana que atua no futebol japonês. A meia Ji So-Yun joga no INAC Kobe e marcou duas vezes nos dois únicos chutes a gol da Coreia do Sul em 90 minutos, garantindo o único triunfo do seu país no torneio e logo contra as favoritas. De quebra, ainda deram o título de “presente” para a Coreia do Norte, que havia vencido a China poucas horas antes.

A seleção japonesa treinada por Norio Sasaki começou bem a competição. Venceu a China na estreia por 2 a 0 sem dificuldades. Em seguida, as Nadeshiko fizeram um jogo truncado com a Coreia do Norte, que terminou em um empate sem gols. Na partida decisiva contra as donas da casa, as japonesas só conseguiram impor seu jogo nos 20 minutos finais, quando já perdiam pelo placar de 2 a 0, com gols marcados por Ji So-Yun aos 13 e 67 minutos de jogo. O gol solitário de Ogimi aos 72 minutos não foi o suficiente.

Desfalcada das lesionadas Sawa, Kinga e Sameshima, a seleção feminina vem passando por inúmeros experimentos para encontrar substitutas à altura das titulares, mas o resultado até agora não é satisfatório.

“As jogadoras tiveram a sua partida mais difícil, mas no final a Coreia do Sul estava com mais vontade de vencer”, disse Norio Sasaski, técnico da equipe japonesa.

“Nós tentamos consertar o que precisava de ajustes em cada um dos três jogos que tivemos durante a competição e não jogamos tão mal hoje, mas, infelizmente, não conseguimos a vitória, destacou Sasaki.

A capitã Aya Miyama lutou para conter as lágrimas na entrevista coletiva pós-jogo: “Nós não fomos bem. Dificultamos o jogo para nossa própria equipe e não fomos capazes de vencer uma partida que tínhamos tudo para sair vitoriosas”, disse uma abatida Miyama.

Amanhã a equipe masculina do Japão vai enfrentar a Coréia do Sul no jogo final do torneio

 

Para saber mais sobre Sociedade, clique em mundo-nipo.com/sociedade. Siga também oMundo-Nipo no Twitter e Facebook.

 


Mundo-Nipo. Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização escrita do Mundo-Nipo.com. Para maiores esclarecimentos, leia a Restrição de uso.

Deixe um comentário