Culinária

Receita de Kenchinjiru: sopa à moda japonesa

Kenchinjiru | Foto: No Recipes Japan

Kenchinjiru é uma sopa preparada com shitake, vários legumes e vegetais, que são refogados em óleo e cozidos com caldo de flocos de atum-bonito.

A sopa Kenchinjiru ou Kenchin-jiru é, originalmente, um prato da culinária japonesa budista, especialmente preparada sem carne ou peixe para os monges.

Com o tempo, esta sopa se tornou muito popular no Japão, onde é preparada com vários legumes, todos refogados em óleo e cozidos com caldo feito a partir de flocos de atum-bonito e cogumelos shitake secos.

Ingredientes (para 4 porções)
  • 4 centímetros de nabo (150 gramas)
  • 1/2 cenoura (70 gramas)
  • 2 pedaços de inhame
  • 2 cogumelos shiitake secos
  • 1/2 pedaço de tofu momen (150 gramas)
  • 2 colheres de sopa de óleo de gergelim
  • 800 ml de caldo de flocos de atum-bonito
  • 100 ml de caldo de shiitake (ou 100ml de caldo de flocos de atum-bonito)
  • 1 colher de sopa de molho shoyu
  • 1/2 colher de chá de sal
  • 2 cebolinhas pequenas
  • uma fatia de casca de yuzu ou limão japonês
  • pimenta de caiena (quantidade à gosto)
Modo de preparo

1 Despedace o tofu em pedaços de 2 centímetros com as mãos, coloque-os em uma peneira e deixe drenar.

2 Retire a casca do nabo e corte-o pela metade no sentido do comprimento. Então, corte estes dois pedaços em outras duas metades, obtendo quatro hastes de nabo. Coloque-as lado a lado e, começando pelas pontas, corte-as em fatias de 5 milímetros de espessura. Descasque a cenoura e corte-a pela metade no sentido do comprimento, e então, fatie ambas metades em tiras de 4 milímetros de espessura.

3 Lave o inhame, seque bem a umidade e então descasque-o. Corte-o em fatias de 5 milímetros de espessura. Em seguida, coloque-as em uma tigela. Adicione uma pitada de sal, e esfregue-o nas fatias de inhame com as mãos. Após, lave para retirar um pouco do sal e a consistência pegajosa.

4 Retire de uma tigela os cogumelos shiitake secos que ficaram mergulhados em água durante a noite, e aperte-os para retirar o excesso de água e umidade. Reserve a água de cogumelos shiitake para ser utilizada mais tarde. Remova e descarte os cabos do shiitake e faça tirinhas de 1 milímetro de espessura com a parte do chapéu dos cogumelos.

5 Corte as cebolinhas em anéis finos para serem usadas como tempero e para decoração. Raspe a parte branca e amarga da casca de yuzu ou limão japonês, e em seguida, corte a casca em fatias fininhas.

6 Aqueça o óleo de gergelim em uma panela e comece refogando o nabo e a cenoura. Quando ambos legumes obtiverem uma boa camada de óleo, adicione o inhame, depois o shiitake e, por último, os pedaços de tofu.

7 Quando todos os ingredientes obtiverem uma boa cobertura de óleo, adicione o caldo dashi de atum-bonito e os 100 ml de caldo de shiitake. Cozinhe em fogo médio e deixe a sopa levantar fervura. Mude para fogo baixo, adicione molho shoyu e tampe. Então, deixe ferver levemente por 20 minutos.

8 Após 20 minutos, verifique a textura dos legumes. Se estiverem macios, experimente a sopa, e acrescente uma pitada de sal para realçar o sabor antes de desligar o fogo. Sirva a sopa em tigelas e salpique um pouco de cebolinha e cascas de yuzu ou limão japonês por cima. Adicione um pouco de pimenta caiena se preferir.

Kenchinjiru | Foto: No Recipes Japan
Dicas e informações

No Japão, gudakusan-jiru, ou algo como as “sopas mistas”, tais como a sopa de massa “dangojiru” e a sopa de porco “tonjiru”, são conhecidas por suas duas qualidades: dão saciedade e aquecem o corpo.

Recentemente, em várias casas japonesas, as pessoas inventam novas “sopas mistas” usando seus ingredientes e sabores preferidos.

A expressão “ichiju-issai” foi usada para descrever uma refeição bastante simples que consiste em uma tigela de sopa e um acompanhamento com arroz.

Na Era Edo, a expressão era usada para encorajar uma vida modesta e comedida. Mas, recentemente, há uma nova postura em relação a esse conceito.

Atualmente, as pessoas têm um estilo de vida ocupado, e o modo de preparar um “ichiju-sansai” — uma refeição ideal japonesa que consiste em uma sopa e três acompanhamentos com arroz — foi simplificado.

É possível limitar o número de acompanhamentos, e assim preparar uma sopa repleta de legumes e verduras. Mediante isso, uma refeição “ichiju-issai” pode, ao mesmo tempo, satisfazer o apetite e ser muito nutritiva.

Restrição de uso
Receita pertence à página Japanese Food do Canal NHK World / Tradução e adaptação do Mundo-Nipo.com (MN). É permitida a reprodução desde que fornecido os devidos créditos ao MN, com link direcionando para mundo-nipo.com. Para reprodução com fins comerciais, leia a Restrição de uso.